O que fazer para proteger arquivos privados no Google Drive

Como manter informações pessoais a salvo de hackers

O Google Drive, antes conhecido como Google Docs, é um serviço de armazenamento e sincronização de arquivos na nuvem criado pelo Google. Com ele, é possível salvar arquivos na nuvem, compartilhar e editar documentos, planilhas e apresentações com colaboradores. O Google Drive está integrado com Google Docs, Sheets e Slides em um pacote office que permite editar de forma colaborativa os documentos. Atualmente, mais de 240 milhões utilizam este serviço.

Em 2015, o Google afirmou que há quase 1 milhão de usuários que pagam pela solução e implantaram novas medidas de segurança no seu sistema. Como serviço de armazenamento na nuvem é bastante confiável. Porém, se você decide armazenar algum arquivo realmente importante e queira ter a certeza de que não poderá ser filtrado ou acessado por terceiros só há uma coisa que pode fazer para evitá-lo: criptografar os seus arquivos. Todos os serviços de armazenamento na nuvem já sofreram ataques. Esta é uma medida básica de proteção anti-hackers.

A forma simples e rápida de criptografar arquivos confidenciais e sincronizar automáticamente com o Google Drive é utilizando o Steganos Safe.


Como criptografar arquivos privados para Google Drive
  • Passo 1. Primeiramente, baixe o cofre virtual da Steganos em seu PC. Instale e abra o Steganos Safe para criar sua unidade segura no Google Drive.

  • Versão de teste

    Segurisoft Baixar
  • Passo 2. Clique em "Criar um novo Safe". Então, selecione “Cloud Safe” e escolha a opção de criar uma unidade segura para Google Drive.

  • Criar cofre virtual e escolher a opção do Google Drive
  • Passo 3. Nomeie seu cofre virtual e defina o tamanho que deseja que tenha a unidade segura.

  • Defina o nome do seu cofre virtual na nuvem
  • Passo 4. A seguir, defina uma senha para acessar seu Cloud Safe. Você terá a opção de usar sua senha, criar uma senha com o gerador de senhas integrado ou utilizar o PicPass, que é uma combinação de imagens como senha.

  • Proteja o seu cofre virtual com uma senha segura
  • Passo 5. Copie os arquivos para dentro da unidade segura. Para que o cofre virtual seja sincronizado com o provedor de armazenamento na nuvem, feche a unidade segura e este será automaticamente sincronizado.

  • Sincronize o cofre virtual com o cloud storage do Google Drive

Seguindo estes passos, qualquer pessoa que conseguir acessar a sua conta do seu Google Drive não poderá fazer nada com os seus arquivos. Ao tentar abrir o arquivo, não poderá identificá-lo pois tudo o que verá será um código estranho. Depois dessas configurações iniciais, se quiser criptografar mais arquivos (ou inclusive todos!) só precisa arrastá-los desde a sua pasta do origem e soltá-los dentro do cofre virtual.

Gostou do artigo? Ficou alguma dúvida ou gostaria de fazer uma sugestão? Deixe seu comentário abaixo.

Safe 19

Safe 19

  • Cria cofres virtuais de até 2TB
  • Compatível com Dropox, Google Drive e OneDrive
  • Criptografia AES- XEX de 384 bits

Versão de teste

segurisoft Baixar

/ Escrito por Rafa Dias sobre Safe 19

Seguir @rafadiasbcn

Comentários

  • Marcelo Dilda

    Boa tarde,

    Tenho uma duvida quanto ao funcionamento do Safe 18, tenho o google drive instalado no servidor, faço backup dos arquivos para o drive semanalmente, gostaria de saber se esses arquivos que são zipados para a pasta do drive e substituidos a cada semana, ficariam com senha.

    Muito obrigado.

  • Bruna Santos

    Olá Marcelo,
    se os arquivos forem colocados em um Safe, neste caso um safe sincronizado com o Google Drive, então sim, os arquivos serão criptografados antes de serem enviados para a nuvem. Os arquivos que ele sincroniza diretamente com o Google Drive (sem criar um Safe primeiro) não são afetados pelo Safe 18 de nenhuma forma.
    Atenciosamente,

    Bruna

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.