A importância de criptografar e-mails em um escritório de advocacia

Referencia sobre la imagen

A segurança dos dados digitais nunca foi um assunto tão importante quanto é hoje em dia. Em recente pesquisa, a LexisNexis Legal & Professional apurou que apenas 22% dos advogados americanos utiliza algum tipo de criptografia ao enviar e-mails contendo informações confidenciais para seus clientes.

Nessa mesma pesquisa é relatado que a esmagadora maioria apenas envia uma declaração de que aquela informação é privilegiada e não deveria ser lida sem autorização. De acordo com especialistas em segurança isto é o equivalente a deixar uma pasta confidencial em cima da mesa e por um bilhete sobre ela dizendo que as outras pessoas não a leiam.

Qual é o melhor meio de criptografar e enviar informações sigilosas?

Referencia sobre la imagen

Dentre os vários métodos possíveis para repassar informações sigilosas, o mais seguro continua sendo uma conversa em ambiente sem monitoramento. Entretanto, nem sempre é possível e uma boa parte das informações precisam constar de forma escrita, especialmente se levar em conta o número de casos, petições e julgamentos que os advogados devem comparecer.

Uma vez que estabelecemos que a informação deve ser enviada por algum meio, então devemos enumerar quais são os mais seguros. Na pesquisa citada acima, vários advogados confirmaram usar serviço de nuvem como o Dropbox para transmitir as informações.

Entretanto, se levarmos em conta que não há muito tempo atrás, este mesmo serviço de nuvem foi hackeado, expondo milhares de contas ao domínio de hackers inescrupulosos, não é uma boa ideia apenas colocar a informação sigilosa lá e “esperar pelo melhor”.

O envio de e-mails com documentos privilegiados é uma boa pedida, mas medidas adicionais devem ser adotadas para garantir a impenetrabilidade das informações contidas nos mesmos. Quanto aos meios tradicionais de correio, telefonemas e fax, dada a progressão da internet, estes métodos expõem mais a informação do que a alternativa.

Como garantir a segurança em nuvem e e-amil

Referencia sobre la imagen

A criptografia pode ser uma grande aliada quando desejamos proteger nossos arquivos mais importantes, inclusive aqueles confidenciais. A comunicação entre advogado-cliente deve ser sagrada, então vamos entender agora como atingir esse patamar quando compartilhamos arquivos na nuvem e via e-mail.

Um passo interessante seria ter uma conta de nuvem para cada cliente, o que aumentaria em muito a segurança uma vez que, além de você, apenas o cliente teria a senha para esta conta. Mas este método pode se provar um tanto quanto falho no quesito do custo x benefício, especialmente se utilizarmos serviços caros de nuvem, que vão realmente garantir a segurança dos arquivos depositados.

Então, cortando a volta, vamos entender como aplicar a criptografia ao e-mail e à nuvem. Utilizando o Steganos Privacy Suite da Steganos, você consegue fazer tudo isso e muito mais. Este programa robusto sua tarefa de garantir a proteção dos documentos confidenciais muito mais fácil. Ele possui uma funcionalidade específica para proteger arquivos em nuvem com senha, a qual pode ser dada para apenas os interessados acessarem.

Outra vantagem do Steganos Privacy Suite é a facilidade de enviar e-mails criptografados, os quais apenas poderão ser lidos pela parte relevante. Veja você mesmo como funciona o envio de e-mails criptografados pelo Steganos Privacy Suite baixando a versão de teste. É só clicar no botão abaixo e aproveitar uma proteção absoluta na hora de enviar seus arquivos mais importantes.

Versão de teste

Segurisoft Baixar

Talvez você se interesse em:

Gostou do artigo? Ficou alguma dúvida ou gostaria de fazer uma sugestão? Deixe seu comentário abaixo.

Privacy Suite 18

Privacy Suite 18

  • Protege a privacidade online
  • Criptografa e oculta arquivos
  • Gerencia e protege suas senhas

Versão de teste

segurisoft Baixar

/ Escrito por Rafa Dias sobre Privacy Suite 18

Seguir @rafadiasbcn

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.