Conheça os ataques mais comuns de malware da internet

Saiba como se prevenir dos ataques de malware mais comuns da net


ataques de malware mais comuns da net

Com o passar dos anos, a internet tem se tornado algo parecido com o velho oeste americano, repleto de perigos que vão desde a instalação de spywares, malwares a até ser incluído em uma nociva botnet.

Qualquer que seja o problema que ocorre nesses casos de ataques hacker, uma coisa é certa: seus dados pessoais ficam expostos, inclusive aqueles arquivos ou documentos que não deveriam cair nas mãos de mais ninguém.

Vamos agora a algumas práticas para proteger seu computador que vão além do antivírus, antimalware e antispyware, que permitem que possamos evitar esses problemas antes mesmo que ocorram.


Páginas de phishing

Com a era digital, muitos serviços relacionados a pagamentos, contas pessoais e etc. passaram a ser oferecidos online. Então, digamos que você vá acessar a página de seu banco, como por exemplo o Santander, que se encontra no site www.santander.com.br.

Caso você erre alguma letra na hora de digitar o endereço ou, como ocorre na maioria dos casos de phishing, siga um link diretamente do seu e-mail, pode acabar indo parar em um site muito parecido como www.santandAr.com.br. Ao digitar seus dados nesse site falso, você acabará dando de mão beijada seus dados para o dono do endereço falso ter acesso a sua conta bancária.

Então, nunca siga links diretamente do e-mail, e se certifique de que está na página correta para digitar seus dados de login, seja no caso de banco, conta de e-mail ou qualquer outro serviço virtual. Uma boa prática de segurança seria salvar como favorito o site verdadeiro, sempre visitando-o através do link salvo.


Download não solicitado

Quando estamos navegado, por vezes nos deparamos com alguma página, normalmente pop-up, que aparece do nada e empurra um download que não foi solicitado. Se isso acontecer com você, tenha certeza de que está lidando com um malware que apenas aguarda a instalação para infectar seu sistema.

Caso isso venha a ocorrer, primeiramente mantenha a calma, o arquivo não irá se instalar sozinho, apenas se você o executar ou descompactar. A seguir, calmamente tente cancelar o download. Se for tarde demais para isso, vá cuidadosamente até a pasta de downloads e apague o arquivo nocivo com um Ctrl+DELETE. Mas, vale frisar que: EM HIPÓTESE ALGUMA SE DEVE ABRIR OU EXECUTAR UM ARQUIVO DE DOWNLOAD NÃO SOLICITADO.


Avisos de Flash Player desatualizado e afins

Às vezes, quando entramos em uma página para ver alguma transmissão online ou qualquer outra coisa do gênero, aparece uma mensagem de que nosso Flash Player está desatualizado e etc. e que precisamos cuidar disso o mais rápido possível.

Essas páginas normalmente são acompanhadas de vários pop-ups (páginas aparecendo do nada), que exigem a atenção imediata e, por mais que tentemos, não conseguimos fechar, pois ela pede confirmação após confirmação para fazer isso.

Primeiramente, não acredite em tudo que lê na net. Se acha que algo, como seu Flash Player, está desatualizado, vá diretamente na página do desenvolvedor do programa, que no caso do Flash é a Adobe.

Quando se deparar com aquelas páginas que não fechem, calmamente clique na opção “não exibir mais essas mensagens” e feche a referida página. Tenha cuidado, pois essas páginas muitas vezes acabam enviando downloads não solicitados também. Caso isso ocorra, utilize a solução anterior para lidar com o problema.


Como proteger os arquivos pessoais

As ameaças digitais se multiplicam exponencialmente a cada dia, ficando difícil de prevenir sobre cada uma que aparece. Então, a melhor solução é cuidar da segurança dos dados mais importantes.

Para fazer isso, recomenda-se a utilização de cofres virtuais ou “Safes”. Um programa que consegue criar safes facilmente é o Steganos Safe. Com ele, é possível fazer safes em nuvem, pen-drive, HD externo ou até mesmo no disco rígido local com rapidez e simplicidade.

Uma prática de segurança digital interessante, que realmente mantém seus arquivos mais preciosos seguros é a criação de um cofre na nuvem. Para saber como fazer isso, baixe a versão de teste ilimitada do Steganos Safe clicando no botão abaixo e leia o tutorial que está no link a seguir.

Versão de teste

Segurisoft Baixar

Artigos relacionados:

Dificuldades em restringir o acesso aos dados em rede

Conheça melhores hábitos de segurança digital

Gostou do artigo? Ficou alguma dúvida ou gostaria de fazer uma sugestão? Deixe seu comentário abaixo.

Safe 19

Safe 19

  • Cria cofres virtuais de até 2TB
  • Compatível com Dropox, Google Drive e OneDrive
  • Criptografia AES- XEX de 384 bits

Versão de teste

segurisoft Baixar

/ Escrito por Thiago Monteiro sobre Safe 19

Seguir @6Monteiro

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.